As técnicas de massagem

Vamos descrever algumas técnicas gerais de massagens. Isso quer dizer que, eventualmente em algum tipo específico de massagem – e existem centenas delas – , pode-se aplicar outras técnicas e deixar de usar parte das que descrevemos abaixo. Esse é mais um motivo para encarar a massagem como um tratamento natural sério que deve ser feito apenas por massagistas/ massoterapeutas sérios

O massagista, de mãos limpas e braços nus, deve possuir habilidade, vigor e uma sensibilidade particular para as reações da pessoa massageada.

A fim de facilitar a massagem, é conveniente passar previamente talco ou glicerina nas mãos. A região a ser massageada deve estar nua, e o tratamento deve ser efetuado num aposento com temperatura adequada. A duração de uma sessão de massagem varia de 5 minutos, no mínimo, a 25 minutos, no máximo. O massagista deve ter o cuidado de não danificar os tecidos da pessoa que massageia. As equimoses são a marca de uma massagem falha. Não se engane elas ajudam mas jamais, por si só, permitiram dissipar a gordura e a celulite, como não permitiram também a eliminação das toxinas.

Uma sessão de massagem deve sempre começar e terminar com os movimentos mais suaves. Os movimentos mais vigorosos estarão, portanto, reservados para o meio da sessão.

foto mostrando um massagem sendo feita
Existe uma técnica de massagem mais adequada pra cada área do corpo

O deslizamento

Deve-se utilizar a palma da mão ou a polpa dos dedos para tocar, quase acariciar a superfície a ser massageada. Os movimentos são amplos, parando nos limites da zona a ser tratada, e não devem ser feitos em sentido inverso. Evoluem, portanto, para a parte externa, ou se adaptam no sentido da fibra muscular. O deslizamento é um sedativo da dor e o preparo indispensável para uma massagem mais vigorosa.

Fazer pedidos de produtos da Avon;

Fazer pedidos de produtos da Natura;

Fazer pedidos de produtos do O Boticário;

Visitar a loja do Natural & Bela

 

A fricção

Consiste em esfregar de modo enérgico, mas sem excesso, com a ajuda da palma da mão ou da polpa dos dedos. O movimento não tem amplitude, e é feito no sentido do comprimento, para os membros, e no sentido circular, para as regiões extensas, como as costas.

 

A pressão

O movimento difere em intensidade conforme as necessidades:

  • Quando a região é pouco musculosa: deve-se utilizar a polpa dos polegares para atingir melhor o espaça que existe entre os tendões;
  • Quando se trata do trajeto de um nervo: deve-se utilizar a polpa dos polegares e dos dedos;
  • Quando se trata de um membro: deve-se utilizar toda a mão;
  • Quando se trata de urna superfície curva e protegida por uma espessa camada muscular: deve-se utilizar a saliência da mão formada pela extremidade superior das eminências tenar e hipotenar para imprimir um movimento profundo de mó.

A pressão deve ser feita da extremidade para o centro, no sentido da circulação venosa ou seguindo trajeto das fibras musculares.

 

O amassamento

É reservado para as regiões muito musculosas. No entanto, deve ser praticado sem brutalidade.

Consiste em pegar a pele, os músculos e rola-los, deslocá-los transversalmente e imprimir-lhes o início de um movimento de torção. Pode ser praticado com as duas mãos ao mesmo tempo, ou com cada uma delas trabalhando separadamente. Realizado com moderação e prudência, é útil para combater as aderências decorrentes de cicatrizes, os edemas e os coagules sanguíneos.

 

A pinçagem

Trata-se de um amassamento praticado com o polegar e o indicador e próprio para as superfícies pouco extensas ou para o abdômen.Bem feita, porém, com delicadeza, não é dolorosa.

Tem o mérito de estimular as trocas orgânicas e facilitar a eliminação das toxinas.

 

As vibrações

A mão é colocada em contato com a pele, sem afastar-se dela, e a vibração é transmitida pela sucessão das pressões e dos relaxamentos imprimidos pelo punho do massagista.

As vibrações possuem uma ação sedativa, acalmando, por exemplo, as digestões ácidas.

 

A percussão

Os tecidos são martelados através de pancadinhas dadas com a palma ou com a borda externa da mão. As duas mãos trabalham alternadamente.

Esse tipo de massagem tem uma profunda ação reflexa.

 

 

Voltar ao índice de Massoterapia