Como fazer a maquiagem dos olhos

Uma das áreas que mais se deve dar atenção na maquiagem. O bom maquiador precisa conhecer bem essa área. Por isso, na figura abaixo você aprende onde fica cada parte do olho de modo que quando ouvir referência a elas saiba onde estão localizadas.

Foto mostrando as áreas do olho
Conhecer os nomes das áreas dos olhos é importante

Utilizar maquiagem para os olhos não é apenas para a noite. Ela pode e deve ser usada durante o dia também, desde que seja mais discreta.

A cor da sombra não precisa combinar com a cor da roupa, mas deve estar em harmonia com ela. Cores neutras como o dourado, marrom e rosa claro costumam ser uma boa pedida.

A camuflagem e iluminação dos olhos variam conforme o aspecto que eles apresentam no rosto.

 

Olhos padrão

É o formato mais proporcional. Por isso, não há nada a corrigir em olhos com esse aspecto. Não inove, faça o básico da maquiagem: passe uma sombra (de cor de clara a mediana) na pálpebra inteira e contorne a linha dos cílios (superiores e inferiores) com sombra mais escura. Defina o côncavo. Una a marca do côncavo ao contorno dos cílios superiores numa marca “V”, reforçada com sombra mais escura, esfumando bem. Se desejar, destaque os olhos com delineador como preferir.

Foto mostrando um rosto com olho padrão
Não há nada a corrigir no olho padrão

Olhos separados

Para criar uma ilusão de proximidade com a maquiagem reforce o canto interno dos olhos com sombra levemente mais escura, pois eles parecerão mais próximos. Faça o mesmo com o côncavo, indo do canto até, no máximo, seu centro.

Deve ser aplicada uma sombra clara sobre a pálpebra e uma escura, espalhada para cima, na parte inferior dos olhos. Utilizar um tom claro abaixo da sobrancelha. Não se usam texturas mascaradas ou chapadas. Esfumar os cantos internos com sombras escuras e o externo com sombras claras.

Evite olhos “de gatinhos”, pois dará a impressão que eles são ainda mais separados!

Nunca ilumine demais o canto interno.

Foto mostrando um rosto com olhos separados
Nunca ilumine o canto interno dos olhos separados

 

 

Olhos juntos

Quanto mais o foco estiver no canto externo dos olhos, melhor! Defina o côncavo da metade dos olhos para fora e aplique sombra escura para passando do limite das pálpebras.

Fazer olhos “de gatinho” também ajuda bastante para dar a impressão de distância!

Para dar a sensação de que são mais separados, maquia-se a parte interna da pálpebra com um tom mais claro (iluminando essa área) e a parte externa com um tom mais escuro, esfumando-a por igual até as têmporas.

Não utilize maquiagem monocromática escura no canto interno, pois dará ainda mais ilusão de proximidade aos olhos.

Foto mostrando um rosto com olhos juntos
Não utilize maquiagem monocromática escura no canto interno dos olhos juntos

 

 

Olhos pequenos

Para aumentá-los é preciso usar sempre tons suaves e ressaltar os escuros. Uma sombra escura deve ser passada no ângulo externo, desenhando um triângulo, e uma clara no meio da pálpebra.

Use lápis bege ou branco na linha de água inferior.

Aplique o curvex de maneira intensa e rímel (principalmente no canto externo) para abrir bem o olhar. O rímel também deve ser aplicado nos cílios inferiores.

Não passe lápis preto na linha de água pois ele diminui ainda mais os olhos!

Foto mpostrando rosto com olhos pequenos
Cuidado com o uso do lápis no caso de olhos pequenos

 

Olhos grandes

Os olhos mais saltados podem ser suavizados com efeitos de sombra e luz. Tente escurecer todo o contorno dos olhos começando pela linha d’água dos cílios superiores e exteriores. O côncavo e a linha dos cílios devem ser reforçados com sombra mais escura. A ideia é criar efeitos de sombras para parecer que os olhos estão mais profundos.

O delineado pode ir do canto interno até ultrapassar o canto externo, tanto na pálpebra superior quanto na inferior, engrossando o traçado na direção externa.

A intenção é “achatar” um pouco os olhos. Por isso, não utilize sombras claras em todo o olho.

Foto mostrando um rosto com olhos pequenos
Não utiliza sombras claras em um rosto com olhos grandes

 

Olhos fundos

Se o problema a ser resolvido são olhos fundos, quanto mais iluminados melhor!

Para isso, use uma sombra iluminadora em toda a pálpebra. É possível até escurecer um pouco a área do côncavo e o canto exterior dos olhos, mas evite marca-los muito. Evite passar maquiagem escura no canto interno dos olhos pois o certo é iluminar essa área.

Também não use tons muito claros logo abaixo da sobrancelha pois essa área normalmente já é mais alta e destacada.

Não utilize looks muitos escuros pois darão mais dimensão ao olhar!

Foto mostrando um rosto com olhos fundos
Não utilize looks muitos escuros no rosto com olhos fundos

Fazer pedidos de produtos da Avon;

Fazer pedidos de produtos da Natura;

Fazer pedidos de produtos do O Boticário;

Visitar a loja do Natural & Bela

 

Olhos cobertos pela pálpebra

Quando os olhos têm o côncavo escondido pelas pálpebras temos de tomar muito cuidado na maquiagem: a sombra só aparece se os olhos estiverem fechados e até por isso, borra com muito mais facilidade! Mas há solução para isso!

O importante é não usar produtos cremosos ou oleosos pois eles irão borrar.

Procure criar a impressão de que tem mais pálpebra à mostra, iluminado embaixo das sobrancelhas. Na aplicação da cor escolhida para a pálpebra superior, procure ultrapassar o côncavo. Defina o côncavo mais alto do que definiria normalmente. Na pálpebra inferior, logo abaixo dos cílios, aplique a cor do canto externo até somente o centro dos olhos. Procure focar o delineador também do centro dos olhos até o canto externo, num traçado mais fino.

Pode-se iluminar abaixo bem rente as sobrancelhas para ajudar no efeito da pálpebra aumentada.

Foto mostrando um rosto com olhos cobertos pela pápebra
Não utilize produtos cremosos ou oleosos em olhos cobertos pela pálpebra

 

Olhos caídos

Principalmente no caso de olhos caídos no canto externo inferior, devemos iluminar a parte superior. Evite passar maquiagem na área inferior, principalmente lápis preto, pois isso só intensifica mais ainda o caído dos olhos.

Trabalhe a área superior, sempre de maneira a levantar o olhar. Aplique a sombra mais escura voltada para o canto externo superior dos olhos, ultrapassando área da pálpebra e do côncavo, criando um efeito de “olhos de gatinho”.

O delineador também deve ser aplicado na direção do final da sobrancelha, sempre puxando para cima nos cantos externos. O traçado pode ser mais fino, quase imperceptível na parte interna dos olhos e ir engrossando até a parte externa, ou simplesmente começar a partir da metade dos olhos.

Reforce a sobrancelha e aplique um pouco de iluminador logo abaixo dela. Capriche no rímel nos cílios superiores, principalmente na parte externa.

Iluminar o canto interno superior dos olhos também é uma boa ideia.

Jamais utilize delineador grosso e pesado na linha dos cílios inferiores.

Foto mostrando um rosto com olhos caídos
Não utilize delineador grosso em olhos caídos.

 

Olhos orientais

Aplique uma sombra clara entre a dobra do olho e a raiz externa dos cílios. Acima da dobra do olho, use uma sobra escura, esfumaçando-a para cima em direção às sobrancelhas.

Foto mostrando um rosto com olhos orientais
Aplique sombra clara em rostos com olhos orientais

 

Olho menor do que o outro

Caso um olho seja menor do que o outro, a dica é iluminar mais o olho que for menor. Por exemplo, caso o faça, maquie o olho maior até o côncavo, o menor deverá ser maquiado até um pouco mais acima do côncavo.

 

Olho sem côncavo aparente

Se o côncavo não é muito visível, basta dar profundidade ao olhar, iluminado no centro e camuflando no resto, ultrapassando um pouco além da área do côncavo.

Não utilize sombra monocromática e traço delineado grosso na pálpebra móvel.

 

Olhos com bolsas na parte inferior

Utilize cores mais escuras do que a da pele, esfumando nos cílios inferiores e superiores.

Procure utilizar sombras na cor marrom, preta, azul e verde musgo para tirar a atenção na região inferior dos olhos. E não utilize tons muito claros.

 

Olhos com branco a mostra

Utilize lápis ou sombra em tons escuros como grafite, preto e marrom.

Esses tons corrigirão se aplicados na região dos cílios inferiores e superiores. Depois basta fazer a maquiagem normalmente.

 

Escondendo pés de galinha

Camufle-os usando apenas base com a mesma cor da pele. Não utilize corretivos pois podem “rachar” ainda mais a pele.

 

Cor da sombra X cor dos olhos

Para quem está iniciando na arte e técnica da maquiagem, colocamos a figura abaixo, relacionado as cores de sombras que combinam com as cores de olhos mais comuns:

Tabela de cor de sombra para cada tipo de cor de olho
Tabelas com cores sugeridas de sombra para cada cor de olho

 

Uso de corretivo em olheiras

Um erro básico que todo mundo costuma cometer: aplicar corretivo em toda parte inferior dos olhos. Não faça isso! Corretivo é usado somente na parte escura da olheira, exatamente onde ela deve se igualar com o tom restante. Se aplicar na região toda a diferença de cor continuará chamando negativamente a atenção!

Voltar ao índice de Como Fazer Maquiagem