Urina, , possíveis doenças e tratamentos sugeridos

Descrição de problemas com a urina

A urina é um importante sintoma de quando algo não vai bem em nosso organismo. Sua cor normal é é amarelo claro. Após as refeições, mais escuro pela manhã e depois de feita a digestão.

Ao ser expelida a urina, a consistência é líquida e transparente. É inodora no lactante e tem cheiro fraco no adulto, quando foi expelida há pouco.

Manifestações:

  • Excesso de micção: Diabete;
  • Dificuldade de micção: Hipertrofia da próstata;
  • Dor durante a micção: Cálculos urinários; cistite;
  • Cor da urina marron-­caju: Cólicas hepáticas; Icterícia;
  • Contendo: Albumina: Nefrite;
  • Açúcar: Diabete; Hipoglicemia;
  • Ácido Úrico: Reumatismo crônico;
  • Ureia: a presença exagerada de ureia na urina é detectável no exame de laboratório; supõe insuficiência hepática ou renal;
  • Cristais de Uratos, de Oxalatos ou de Fosfatos: cálculos urinários.

Para identificar os elementos acima são necessários exames de laboratório.

figura com diferentes cores de urina
A cor da urina ajuda a revelar os problemas pelos quais nosso organismos está passando

Os problemas na urina podem ser sintomas de:

Diabete

Esse distúrbio do metabolismo dos glicídios provoca sede intensa, tendo por consequência a micção abundante. Nesse caso, é necessário fazer um exame de sangue para avaliar a taxa de açúcar.

 

Hipertrofia da próstata

Vontade frequente de urinar, com dificuldade de expulsão e jato sem força, principalmente no fim da noite ou depois de permanecer sentado por muito tempo.

 

Cálculos urinários

Micção dolorosa em consequência de calculas ou de areia urinaria, com sensação de peso no baixo ventre. Acontece, geralmente após locomoção ou esforço físico, de a urina ficar vermelha por causa da presença de sangue.

 

Cistite

Ardor no momento da micção, que é muito frequente e em quantidade muito reduzida.

 

Nefrite

Urna das características principais da nefrite é a presença exagerada de albumina na urina, detectável unicamente no exame de laboratório. 0 pus é visível a olho nu.

 

Hipoglicemia

Caracteriza­-se por ausência de açúcar no sangue e presença anormal desse elemento na urina. É de se notar também a indisposição típica sentida pela doente no final da manhã.

 

Fazer pedidos de produtos da Avon;

Fazer pedidos de produtos da Natura;

Fazer pedidos de produtos do O Boticário;

Visitar a loja do Natural & Bela

 

Tratamentos naturais de

Não existe um tratamento natural geral para os problemas urinários. Para cada caso há um tratamento específico que pode ser consultado no nosso Guia de Doenças.

 

Fitoterapia

Os chás aconselhados abaixo constituem um tratamento para manter em bom funcionamento as vias urinárias.

  • Alcachofra (folhas): Decocção de 60 g por litro; ferver 10 minutas; tomar 3 xícaras ao dia;
  • Bolsa­-de-­Pastor (parte aérea): Decocção de 40 g por litro; ferver 5 minutos; tornar 3 xícaras ao dia;
  • Milfurada (extremidades floridas): Infusão de 40 g por litro; deixar descansar 2 minutos; tornar 3 xícaras ao dia, adoçadas com mel;
  • Parietária: Fazer um chá com 20 gramas de folhas e sumidades floridas com meio litro de água, Coar e tomar 1 copo 3 vezes ao dia;
  • Abacateiro: Ferver 20 gramas de folhas com meio litro de água. Esfriar e coar. Tomar 1 copo 3 vezes ao dia.

 

Voltar ao índice de Sintoma, possíveis doenças e tratamentos sugeridos